Dicas: Qual o melhor tratamento para varizes: laser, espuma ou cirurgia? (Parte 3)

Posted on

Médicos treinados pela Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular do Rio de Janeiro estão usando esta técnica no tratamento de pacientes de quatro hospitais públicos.

Só no Rio, 12 mil pessoas aguardam pelo tratamento, segundo a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular. Este procedimento permite o tratamento de varizes mais calibrosas, sem a necessidade de uma intervenção cirúrgica, podendo ser feita na própria clínica ou consultório. Edição na Íntegra RJTV Primeira Edição - Edição de terça-feira, 30/05/2017 A escleroterapia com espuma densa é um tipo de tratamento que elimina completamente as varizes e os pequenos vasinhos. Nas varizes de maior calibre, este tratamento pode não dar o melhor resultado, mas é capaz de diminuir o seu tamanho, sendo necessária mais de 1 aplicação na mesma variz. Uma técnica que tem sido muito requisitada e difundida atualmente é o tratamento de varizes com espuma. O tratamento de varizes com espuma é antigo, mas só nos anos 90, com o auxílio do ultrassom, é que começou a ser mais utilizada na Europa. O paciente precisa consultar com um Cirurgião Vascular para saber o tratamento mais indicado para o seu caso. Ao mesmo tempo, quem foi submetido a tratamento da safena com espuma teve menor taxa de sucesso, se comparado ao laser e à cirurgia convencional. Caso prefira, entre em contato diretamente com ele via e-mail: Qual o melhor tratamento para varizes: laser, espuma ou cirurgia?

O tratamento das varizes com espuma é uma opção à realização de cirurgia, o uso de esclerosantes em forma de espuma tem se popularizado nos últimos anos.

  • algumas varizes internas
  • varizes nutridoras de úlceras causadas por varizes
  • algumas varizes não-salientes

Geralmente indicamos o uso de Espuma para o tratamento de pacientes com contra indicações clínicas para realização de cirurgia, ou seja, pacientes de alto risco.

Agora todos pensam : Se eu posso fazer o tratamento com espuma, não preciso mais de cirurgia, que maravilha!!!!! Ele pode ser realizado no próprio consultório do médico Cirurgião Vascular , e não requer os cuidados que uma cirurgia de varizes necessita. Porém, a efetividade do tratamento para varizes com espuma não é tão boa quanto à cirurgia. Além disso, o tratamento das varizes com espuma pode levar a complicações como trombose venosa profunda, embolia pulmonar, flebites, manchas escuras na pele e feridas. O cirurgião vascular e endovascular Charles Esteves Pereira fala sobre o tratamento de varizes com espuma densa. O uso dos esclerosantes em forma de espuma tem se popularizado nos último anos como tratamento para as varizes e vasinhos. O tratamento para varizes com espuma é um tipo de escleroterapia. A espuma pode ser feita com dois tipos de esclerosantes: o tetradecil sulfato de sódio (Sotradecol®) e o polidocanol. O tratamento com espuma de polidocanol está indicado principalmente para as varizes e veias reticulares.

Como é feito o tratamento de varizes com espuma

  • Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, 2013
  • Cleveland Clinic, Julho de 2011
  • University Of California, Dermatologic Surgery and Laser Center

Ele pode ser realizado no próprio consultório do médico Cirurgião Vascular sob anestesia local, e não requer os cuidados que uma cirurgia de varizes necessita.

Porém, a efetividade do tratamento para varizes com espuma não é tão boa quanto à cirurgia, seja a cirurgia tradicional ou os métodos mais recentes como laser e radiofrequência. Além disso, o tratamento das varizes com espuma pode levar a complicações como , embolia pulmonar, flebites, manchas escuras na pele e feridas. Conclusão: o tratamento com espuma para varizes é uma boa opção, mas precisa ser bem indicada. Em caso de dúvida, esclareça tudo sobre varizes com o seu dermatologista comments Ultimamente tem-se falado muito sobre espuma para tratamento de varizes e vasinhos. Ele pode ser realizado no próprio consultório do médico Cirurgião Vascular sob anestesia local, se necessário, e não requer os cuidados que uma cirurgia de varizes necessita. Conclusão: O tratamento com espuma para varizes é mais uma opção do Cirurgião Vascular com a finalidade de proporcionar o melhor resultado para seus pacientes, mas precisa ser bem indicada. O angiologista esclarece ainda ser a escleroterapia com espuma é um procedimento que pode ser feito várias vezes. Evidências atuais sobre o tratamento de varizes com espuma ecoguiada sugere que o método é eficaz no curto e médio prazos. O tratamento com espuma, gradativamente se firmou como método tão bom ou até melhor que a cirurgia de varizes convencional para o tratamento e controle das varizes.

O grupo Vascular DF realiza procedimentos especializados de diagnóstico e tratamento nas áreas de angiologia, cirurgia vascular, doppler vascular e cirurgia endovascular

  • Publicado: Quinta, 02 de Fevereiro de 2017, 10h00
  • Última atualização: 02/02/17 16h01

A espuma, por ser mais densa, “empurra” o sangue ocupando todo o volume das varizes sem que haja muita diluição da substância esclerosante pelo sangue.

Quando se trata varizes de maior tamanho, a espessura de parede vascular que a espuma tem que penetrar e fazer seu efeito é muito maior. Chamado de escleroterapia, o tratamento para varizes é feito de diversas formas sendo uma delas a espuma densa. Embora simples, o tratamento de varizes com espuma densa pode apresentar alguns efeitos colaterais. Além de ser menos complexo do que um procedimento cirúrgico, a escleroterapia com espuma densa é um tratamento eficaz para varizes. A substância mais utilizada na Escleroterapia de varizes com espuma densa, guiada por ultrassom é o polidocanol, que tem maior aceitação pelo organismo e pela baixa ocorrência de alergia. Após a escleroterapia de varizes com espuma densa, guiada por ultrassom, a(o) paciente já pode caminhar e não precisa fazer repouso. Analise os resultados do tratamento de varizes realizado com a injeção de espuma. “Ao contrário da cirurgia, os pacientes que tratam as varizes com o método espuma não se afastam de suas atividades. Benefícios e Riscos da Espuma para o Tratamento das Varizes Você deve estar pensando: Nossa, que maravilha!

Conheça o tratamento de varizes com o método espuma Volta Redonda, Rio de Janeiro

Ele pode ser realizado no próprio consultório do Cirurgião Vascular sob anestesia local, e não requer os cuidados que uma cirurgia de varizes necessita.

Porém, a efetividade do tratamento das varizes com espuma, não é tão boa quanto à cirurgia, seja a cirurgia tradicional ou os métodos mais recentes como Laser e Radiofrequência. O risco das varizes voltarem no tratamento com espuma é quase 3 vezes maior que nos tratamentos cirúrgicos a Laser ou Convencional. Além disso, o tratamento das varizes com espuma pode levar a complicações como flebites, trombose venosa profunda, embolia pulmonar, manchas escuras na pele e feridas. Sendo assim, a recomendação é que o tratamento para varizes com espuma seja realizado quando o paciente não pode operar, não quer operar ou se a cirurgia não está disponível. Arapongas REVISTA SAÚDE: Dr. Pimentel, atualmente estão falando muito sobre tratamento de varizes com espuma, você poderia explicar o que é esse tratamento? DR. LUIZ AUGUSTO PIMENTEL: O tratamento de varizes através do método chamado esclerotepia pode ser feita sob duas formas: líquida ou espuma. REVISTA SAÚDE: Então você não acha um bom método o tratamento de varizes com a espuma? O repouso do tratamento com espuma é menor que a cirurgia. Foz do Iguaçu Últimamente tem-se falado muito da espuma como tratamento das varizes e vasinhos. O grande segredo está em identificar qual a melhor técnica para cada paciente em seu contexto pessoal, e essa escolha deve ser feita em conjunto com o cirurgião vascular. Uma técnica que tem se mostrado muito eficaz é o tratamento de varizes com espuma densa. O tratamento com espuma densa, guiada por ultrassom, é um método não-cirúrgico usado para tratar as varizes. Não há problema em pessoas diabéticas realizarem o tratamento de varizes com espuma densa. Qualquer que seja o caso, a orientação do cirurgião vascular não deve ser dispensada, pois somente ele é habilitado para prescrever e efetuar o tratamento de varizes com espuma densa.